top of page

Doenças e Emoções

No decorrer dos tempos as doenças já foram atribuídas como origem ser castigo de “deuses”, desequilíbrio na fisiologia, nos minérios..na concepção holística como desequilíbrio psicossocial que perturba o organismo e sua totalidade afetando a homeostase e os conceitos são am


plos e diversos.

Na classificação da American Psyquiatric Association (DSM-V), o termo psicossomático foi substituído por fatores psicológicos que afetam a condição médica. A obra completa de Freud apresenta uma reflexão sobre as relações entre o psíquico e o somático= o corpo.

O mundo contemporâneo cresceu em tecnologia, na arquitetura, na literatura, formas da mídia...mas a relações estão precárias, assim como a afetividade e profundidade na comunicações e nos afetos.

O pensamento artificial, o que percebo como profissional é que para muitos pacientes falta meios de aprofundar o pensamento, dificuldade de associação e disponibilidade para aprofundamento de situações emocionais complexas que são as gênesis de padecimentos físicos e de muitas doenças.

Quando alguém procura a psicoterapia por causa de um sintoma físico essa a investigação psicossomática visa achar o sofrimento psíquico do sujeito, e possíveis conexões dos sintomas no campo vivencial.

Se o desenvolvimento do psiquismo não cumpre plenamente seu papel ele passa a agir de uma maneira que chamamos de pensamento operatório, ações e características conscientes, sem ligações afetivas profundas, poucas representações e associação com o Ser Profundo, ou seja, desconexões entre o interior da pessoa e suas imagem externa.

Esse distanciamento causa empobrecimento egoico, desagrado auto-punições, culpa... e com um tempo nessa expressão estereotipada e sendo alimentada para satisfação de outros e do ambiente o qual a pessoa se relaciona.

Tudo começa na infância e no processo de desenvolvimento infantil, em como a pessoa reconhece seus afetos, seu corpo, seu papel e pensamento.

Por mais imediatista, “eficiente”, transformador, rápido e mobilizador que sejam conceitos contemporâneos para alguns problemas psíquico e para as deres da alma a coisificação do terapêutica atual para preencher lacunas na estrutura psíquica não basta e é reincidente.

Vou fazer uma analogia ! Conversando com uma amiga arquiteta ao mostrar um ponto de mofo(bolor) ela explicou; “Não adianta lixar e passar tinta em cima , logo vai aparecer de novo e dará problema porque volta, precisa tirar a camada e descobrir o porque desse ponto de umidade, se é vazamento, infiltração e assim concertar e refazer as camadas de massa, acabamento e por ultimo a tinta aí resolve de vez e não volta”

Bom é isso que está acontecendo muita gente tenta pegar atalhos para terminar com sofrimentos psíquicos, passam tinta sem lixar ou ir atras das causas profundas dos problemas, dores física, doenças auto imunes, ansiedade, diabetis, pressão alta, pedras nos rins, dores de cabeça, obesidade, doenças degenerativas e depressões graves... paliativos não curam são maquiagens.

A Psicanálise e a Psicossomática tira a camada e descobre o ponto e posteriormente refaz as camadas para um enfrentamento consciente, equilibrado para uma vida mais, simples, descomplicada, fluida, sincera, suave e plena.

Sônia Augusta

Psicóloga CLinica

WhastApp 11 9948367-99 (Atendimento Skype)

8 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page